Gravatal

A Cidade

O Hotel Internacional está localizado na região de Termas do Gravatal, em Santa Catarina. Localizada à latitude 28º19’52” sul e à longitude 49º02’07” oeste, à altitude de 30 metros, com população estimada de 12 096 habitantes em 2004, Gravatal mantém o charme das características arquitetônicas e culturais de sua colonização por portugueses, italianos e alemães. Distante 158 km de Florianópolis e 23 km de Tubarão, próxima da Serra do Rio do Rastro, a cidade esconde antigas atividades vulcânicas, lavas basálticas e a fantástica água radioativa, que tem uma vazão de 2.000 litros por minuto à temperatura de 37ºC. É considerado o maior complexo hidromineral do sul do País, de onde brota a segunda água mais rica em fluoretos do mundo, com altas propriedades terapêuticas e medicinais, reconhecida como melhor do que a água de Baden-Baden, na Alemanha e perdendo apenas para a de Aux-Les-Thermes, na França.

Em 1842, João Martins de Souza, um dos fundadores de Gravatal, estabeleceu-se no local, fez grandes lavouras de mandioca e cana-de-açúcar, construiu dois engenhos e dois alambiques e abriu estradas. Entre 1880 e 1885, chegaram as primeiras famílias de imigrantes italianos e em 1910, os alemães. Os colonos aprenderam com os nativos a fabricar farinha de mandioca, a cultivar milho, abóbora, melancia e a pesca artesanal. Apesar da influência dessas etnias, a tradição açoriana dos primeiros colonizadores ainda é forte na cidade, tanto na arquitetura quanto nos hábitos populares. As terras férteis do Gravatal garantiam o suporte econômico através da agricultura, substituída pelo turismo a partir da descoberta das termas.

O início do turismo nas águas termais do Gravatal deve-se a Pedro Zappelini, cuja família, italiana, chegara na localidade entre 1880 e 1885. Observou que os jovens banhavam-se no rio mesmo no inverno, devido à temperatura quente da água. Resolveu comprar as terras, que pertenciam a uma família alemã. Escriturou a terra no nome dos filhos, nascidos no Brasil, talvez para evitar aborrecimentos jurídicos na exploração da lavra e pesquisa da fonte radioativa. Os exames da água revelaram grande poder terapêutico. Com uma forte determinação, somente com trabalho manual, desviou o leito do rio. Tornou-se o senhor do “vale dos milagres”, nome que os moradores davam ao lugar, devido às curas espantosas de moléstias consideradas crônicas.

Gravatal foi elevada a município em dezembro de 1961. Hoje, a pacata vila é também conhecida pelo número de lojas (cerca de 200), empresas que fabricam e vendem, na sua maioria, artigos de malha e artesanato com um preço muito competitivo. Próximo de Gravatal, a 32 km, fica São Martinho, cidade de colonização alemã, que dispõe de um parque ecológico e banhos de cachoeira. Deleite para os motoqueiros, a Serra do Rio do Rastro, a 63 km de Gravatal, tem 12 km de estrada encravada em rocha natural. A altitude é de 1.460 metros acima do nível do mar.

A cidade também é rica em pontos turísticos históricos: a Igreja de São Sebastião, com mais de 150 anos, localizada no centro de Gravatal, a Gruta Nossa Senhora da Saúde e o Santuário do Sagrado Coração de Jesus. O Passeio Ferroviário de locomotiva a vapor, percorrendo o trecho entre Tubarão e Urussanga é muito apreciado pelos visitantes. Também é uma boa opção passear pelo centro e comprar algumas peças do artesanato local, famoso pela qualidade dos acolchoados de lã de carneiro, travesseiros de pena e pluma de ganso, mantos e tapetes confeccionados em teares manuais, além das peças em cerâmica, tricô e crochê. Outra boa dica são os produtos coloniais. A rede gastronômica é uma atração a parte e bastante variada, predominando pratos da culinária italiana, com destaque para o prato de sobremesa feito a partir do vinho: o Sagu. A cidade conta com boa infraestrutura de lazer e entretenimento, além de centros comerciais e pontos de venda de produtos típicos. Tudo isso associado a uma comunidade extremam ente hospitaleira, que tem no prazer de receber uma tradição secular.

Curiosidades

Data festiva Junho, Festa do Sagrado Coração de Jesus.
Principais atividades econômicas Mais da metade da renda do município vem do turismo.
Colonização Açoriana, italiana e alemã.
Localização Sul do estado de Santa Catarina, a 150km de Florianópolis.
Clima Temperado, com temperatura média entre 18ºC e 27ºC.
Cidades próximas São Joaquim, Tubarão, Laguna, Armazém, Braço do Norte, Orleans, Lauro Müller, Imaruí.